Reflexão!

09/07/2009



Sinto-me de certa forma sufocado com a presença constante da fraqueza que há dentro de mim.

Ela me domina de todas as maneiras e em todos os lugares onde eu possa estar.
Ela é onipresente, e ao mesmo tempo égide.
Fazendo com que a minha pessoa diante do seu imenso poder de destruição interior,
torne-me um ser frívolo.

Sinto-me também dominado por um efusivo sentimento de poder, sede e vontade de destruição. Destruição essa, não se sabe do quê e muito menos de quem.
Pode ser que seja uma vontade imensa de destruir à mim mesmo e tentar refazer ma vida errante,
vista dessa forma por mim até então.

Uma vida que não vê uma nova dimensão em nada
Uma vida que tem sede de nada
Uma vida que não consegue ambicionar novos horizontes
Uma vida que no decorrer do tempo se mostrou prisioneira do destino e temerosa à visão do novo.

Paremos então pra pensar agora no nexo que pode haver entre esses dois sentimentos.

Fraqueza de certa forma gera raiva
A raiva por sua vez produz a sede de vingança que é irmã da destruição.
Agora perguntemos:

- Destruir ou se vingar de quem?!

Do dom da vida que lhe foi dado pelo grandioso Pai da Misericórdia, e concebida pelo poder divino das forças maiores e espirituais das quais você sempre poderá contar para obter a purificação da sua alma?!
Ou será uma incontrolável vontade de destruir o dono de uma força negativa e prejudicial, que fez de você um habitat seguro para exercer sua malevolência quando você mesmo havia se mostrado aberto para receber em seu corpo espíritos negregados?!

Faça você mesmo o seu próprio julgamento
Reflita sobre o que lhe foi mostrado
Não se guie pela cabeça de terceiros
E lembre-se de que:
É a sua cabeça que está refletindo nas lâminas da guilhotina!


[ Por Lorena Pereira ]

38 reviews:

Ogrude disse...

Quando buscamos a interioridade no ser, encotramos nossas respostas. O apelo a terceiros só serve para que possamos ter um apoio. Muito bom o seu texto.

Pobre esponja disse...

Fechou com chanve de ouro...essencial em um texto isso.

bjs
Continue semeando sensibilidade na net

Carpe Diem
Pobre Esponja

Gabriela Moura disse...

demais, demais!me identifiquei pra caramba

Mr.Orange disse...

Excelente blog!!
Por favor,entre e comente,ou coloque como parceiro!

http://queletra.blogspot.com/

http://fimdejogobaltazar.blogspot.com/

Valeu e parabéns!

Tiago Dadazio disse...

foi uma revelaçao!!

Lucas disse...

Legal

- aari disse...

- Obg pelo comentarioo,
ja votei em ti *-*

:)

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Adorei!

KyllMila_Mandhalla. disse...

Olá, tudo bom?
Seu blog foi um dos escolhindos para que eu colocasse o endereço no meu blog.

Parabéns e seja bem vindo(a)!

www.etudoquepenso.blogspot.com

:)

[ Dentro de alguns dias adicionarei seu endereço ]

Dinah Cardozo disse...

Poxa Lorena, quanto tempo não passo por aqui! Fico feliz de ver como teu blog tem crescido!

Ah, sobre o texto.. claro... eu me sinto assim por vezes, mas vc bem fecha o texto, conclui e não contesto! Vc me fez calar por alguns segundos (calar aquela vozinha que ficava ali concordando com tudo).

Parabéns guria.

E temos que nos falar mais... tua companhia me faz bem.

Bjo

tdagora disse...

muito legal teu post. me identifiquei bastante. :)

beeijo!

Luciana


http://tdagora.wordpress.com

Luizmetalico disse...

Muitoo Profundo:D


Otimo Blog..
Qualquer coisa passa em:
http://losfilmesbr.blogspot.com/
xD

Vini e Carol disse...

Muito bom o texto.
Apesar que achei meio grande, sou a favor dos textos reflexionais menores.

Bom, já votei em seu blog, to confirmando o voto, se der vote no meu tb.

Beijos, Vini.

Diego Janjão disse...

O final é o melhor!

muito show!

parabens!

KINHA disse...

Estou aqui para fazer-lhe uma proposta, que eu considero interessante.Também sou TOP 100 e estou concorrendo na categoria "VARIEDADES" e estou na campanha "UM VOTO POR UM VOTO".O legal disso tudo é essa interação,eu conheço seu blog e vc, o meu.
Já votei no seu e sei que também que receberei seu voto.Já sou sua seguidora, se quiseres me seguir também ficarei honrada.
Obrigada

Bah .Manu disse...

É algo a se pensar. Gostei muuuuito.
Vou voltar sempre.

beijos ;*

JaCoNa disse...

Acho que as vzs td mundo de sente assim... eio que fraco, covarde demais p/ batalhar pelo que sonha, pelo que quer....
=/

Jenny disse...

realmente lindo de verdade, a fraqueja pega a gente de um jeito as vezes, quero e não quero ceder :(

KyllMila_Mandhalla. disse...

Faça você mesmo o seu próprio julgamento
Reflita sobre o que lhe foi mostrado
Não se guie pela cabeça de terceiros
E lembre-se de que:
É a sua cabeça que está refletindo nas lâminas da guilhotina!


Perfeito, nem preciso dizer mais nada...!

www.etudoquepenso.blogspot.com

Robson Ribeiro disse...

Olá!

Parabéns pelo Blogue!
Muito bom mesmo.

Gostei muito e já votei no TopBlog.
Estou concorrendo também com o www.poesiaemblog.blogspot.com, e aguardo sua visita e o seu voto.

Grande Abraço

A.Tapadinhas disse...

Final forte... e ameaçador!

António

Léo disse...

Gostei bastante do texto!

http://www.videoaulas2009.blogspot.com

Maria Lia disse...

texto ótimo, com final esplêndido.
Parabéns.

Djoni Filho disse...

Texto perfeito, mas merece destaque o final, sabe... ultimamente eu mesmo tenho feito meu proprio julgamento... e sofro consequencias com isso.. eis a gilhotina que voce fala, rs...

pois, sendo assim, ponho minha cabeça como oferenda para a guilhotia.. afinal, morrer consciente e viver insconsciente é a mesma coisa.. pelo menos morrendo consciente aproveitamos um pouco a vida

[]'s

http://deliriosdeumsonhador.blogspot.com

Bersebah disse...

2 segundos? Hum...será um tanto impossivel se tiver que acompanhar o passo de meu relógio, da forma que me obrigado a lhe estender um pouco mais, vide o encanto de seu blog.

Primeiramente a parabenizo pelo layout.
Alem de bem desenvolvido, organizado, também a parabenizo pelas imagens que o personalizam o mesmo, e por serem de qualidade, lembrando realmente um caderno, dando a impressão que se pode pega-lo.
O titulo está também muito bem desenvolvido, gostei do estilo do desenho e a letra.

Vamos agora ao conteudo...
Tanam....
Uou!
O texto realmente deixou me boquiaberto.
Utiliza palavras rebuscadas, e o desenrolar do texto apenas ajuda para que se possa sentir com força o que procurou explicar.

É bastante profundo, e complexo, e penso eu é um achado!
Em vista que o pensamento nos remete a todos os dramas da sociedade.Isto pois a sensação de fraqueza, de impotencia diante do mundo, das situações, de nós mesmos, ao que complemento também nossa ambição de sempre chegar mais longe, e conseguirmos sermos melhores e conseguir mais, nos leva a raiva, e essa ao sentimento de destruição.
Tomo uma brecha para dizer que a fraqueza nos remete ao medo, e para camuflarmos e anularmos nosso medo acabamos nos endurecendo, o que deturpa nossa visão das coisas.

Penso que muitos conflitos, mortes, lagrimas durante toda a história da humanidade surgiram desta forma, como uma pequena chama de uma vela, um sentimento confuso e desordenado, que alimentado criou um grande incendio.
Por isso devemos sempre procurar olhar para nós, para o proposito que a divina existencia, Deus, nos colocou aqui, pensando na oportunidade que temos, e como podemos aproveitar para encontrarmos o equilibrio que nos falta, evoluindo a paz, a liberdade de nossos fantasmas, a vencer a culpa e o medo.
Bom...são meus conceitos pode se dizer.

Adorei seu espaço, desculpe ter escrito demais.

Tens uma cabeça aberta, gostei de suas ideias.

Um grande abraço, obrigado pela visita, lhe convido a visitar meu espaço novamente, será sempre bem vinda.

Fica com Deus!

Pedro Ivo disse...

Rapaz... Foi só abrir a caixa que os diabinhos começaram a pular!

Dêem uma lanterna pra esse povo!!!

KyllMila_Mandhalla. disse...

Divino!
Simplesmente divino como todos os outros textos que vc coloca!

:)

Bruno Mello Castanho disse...

Quando julgamos a nós mesmos estamos julgando os outros também, pois o que somos também reflete muito do que os outros são. A individualidade tem limites!

Parabéns pelo blog, muito inspirador!

bjs

Márcio Lima disse...

Oi td bom?
Sou Márcio Lima q fazia o Lima Blogger. Agora estou com um novo blog, o Session Limited.
Vou começar a postar domingo, mas estou pedindo para os seguidores do outro blog, começarem a seguir este desde já: http://sessionlimited.blogspot.com/

os blogs com maior participação no meu serão recomendados aos visitantes

boa tarde

Tiago Dadazio disse...

SIM
SIGA E ATRAVESSE A PONTE...E TUDO SERÁ DESCOBERTO!

Daniela Duarte disse...

"Sinto-me de certa forma sufocado com a presença constante da fraqueza que há dentro de mim.".
Isso resume meu estado atual...o que estava sentindo ontem...e hoje.

Isa F. disse...

O "eu" é uma coisa complicada...


http://isafblog.blogspot.com/

Dri Viaro disse...

Oi, estou passando pra conhecer seu blog, e desejar boa tarde
bjsss

aguardo sua visita :)

Vini e Carol disse...

Todos nós temos os nossos momentos de fraqueza, cabe a você não se deixar abalar, e seguir em frente.

;)

Beijos.

henrique menna disse...

Adorei seu blog, muito bom mesmo, gostei muito, parabéns, continua assim, vou ate segui seu blog, quando de da uma olhada no meu ta!
http://henrique199.blogspot.com/

1 Lênin 1 Blog! disse...

concerteza esse texto diz tudo ;s
bju

Jean Soares disse...

Olhemos para nós mesmos. Assumamos nossos erros. Não seja de nosso intento cultivar angústia. E que a vida seja realmente nossa! O próprio nome e encerramento do texto nos mostra o reflexo, afinal, como anda o nosso reflexo de humanos? Como anda nossa reflexão sobre atitudes e vontades?

ótimo texto

abraço

Luan dos Santos | Entretidoo.Com disse...

Muito boa Reflexão... como sempre seu blog ta maravilhoso, e olhe q faz tempo. q bom né! e desejo q continue assim !

Twitter

Selos

Selos
Obrigada especial ao Luiz!

Obrigada especial à Camila!

Obrigada especial à Tatinha!

Obrigada especial à Patrícia C.

Obrigada especial à Sammy!

Sammy!

Sammy!

Obrigada Especial à Gii!

Obrigada especial à Fran!